7 de setembro de 2020 10h00 - Atualizado em 7/09/2020 10h02

“Uma fatalidade”, lamenta Mazinho após derrota do Nacional na D

O gol do Naça foi marcado pelo atacante Jackie Chan. O Ji marcou dois gols de penalti

O técnico do Nacional FC, Mazinho, avaliou a partida diante do Ji-Paraná-RO, que terminou em 2 a 1. O duelo válido pelo jogo de ida da fase preliminar da Série D ocorreu no estádio Biancão. O gol do Nacional foi marcado pelo atacante Jackie Chan.

“Começamos um pouco dispersos no jogo, sentindo muito, acredito que um pouco do cansaço da viagem, adaptação ao campo que é muito difícil jogar aqui, a parte que tem grama é muito alta, deixaram de proposito e a outra parte é na terra. Então, até o grupo de acostumar, demorou um pouco, mas mesmo assim, nós conseguimos ir equilibrando o jogo, entramos aos poucos”, justifica.

O Naça criou pouco na primeira etapa, diferente do que ocorreu no segundo. Mazinho lamenta os dois pênaltis do goleiro Lução, um dos destaques do time nacionalino e de Romão, que deram a vitória ao adversário. Mas, o professor faz questão de ressaltar a evolução da equipe no decorrer da partida.

“Eles criaram oportunidades, nós também criamos e no segundo tempo, duas bolas infelizes nossas, que estava com a gente, uma bola que o Wander consegue desarmar o adversário, mas ela sobrou para o adversário e o Lucão saiu na bola e fazendo o pênalti. O segundo foi uma fatalidade, o Romão veio, fechou certo, para fazer a marcação, mas o atacante não dominou, deu toque rápido na bola e pegou ele de surpresa e no movimento, a bola pegou no braço dele. Outro pênalti”, lamenta.

Mazinho também fez substituições e surtiram efeito, como ele mesmo lembra. “Depois disso, nosso time se acertou. As mexidas também surtiram efeito. A entrada do Leo, o pessoal começou a ficar mais com a bola que o que a gente vem cobrando muito, vem treinando muito isso, mas o campo não ajudou muito”, completou.

Retorno da delegação

A delegação azulina sairá de Ji-Paraná às 20h, chegará em Porto Velho por volta das 3h30 da manhã. O vôo para Manaus está marcado para as 5h30, a chegada está prevista para as 7h30.

A decisão

O jogo da volta e a decisão de quem segue na competição será no próximo domingo (13), na Arena da Amazônia em Manaus.

Útimas notícias