27 de novembro de 2019 16h44 - Atualizado em 27/11/2019 16h44

Superintendente da ZFM ressalta crescimento da indústria durante abertura da I fesPIM

A solenidade contou com a presença do presidente Jair Messias Bolsonaro
Valdo Leão

Durante discurso na abertura da I Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial de Manaus (fesPIM), o titular da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Coronel Alfredo Menezes, apresentou números que demonstram o crescimento da Indústria nos últimos meses. A solenidade contou com a presença do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, que visita a capital pela segunda vez este ano.

O Coronel afirmou que a Indústria apresentou até agosto deste ano, um crescimento de 7,53% em relação a agosto do ano passado, o que segundo ele é o maior crescimento nos últimos seis anos. “Isso reflete diretamente na manutenção de quase 90 mil empregos diretos e 360 mil indiretos, o que representa 20% da população manauara e a importância dessa Feira que é o único modelo econômico constitucional do país”, disse.

Alfredo Menezes, destacou também que o “modelo representa a fonte de riqueza local e a demonstração de que o desenvolvimento e a tecnologia podem andar lado a lado para a preservação da floresta”. O superintendente disse que no mês de setembro, a Indústria apresentou crescimento de 17%, segundo dados da Receita Federal e que no mês passado, o PIM alcançou 80% da sua capacidade total instalada. Além disso, Menezes falou sobre a expectativa da criação de pelo menos nove mil novos postos e faturamento recorde de vendas em dezembro.

Maior projeto de proteção de floresta tropical

O presidente do Instituto de Inteligência Socioambiental e Estratégica da Amazônia (Instituto Piatam), Alexandre Rivas, afirmou durante o seu pronunciamento que o Polo Industrial de Manaus é o maior projeto de proteção de floresta tropical. “A Zona Franca é um dos melhores ambientes de negócios da economia nacional para gerar investimentos, gerar oportunidades de emprego e renda e melhoria da qualidade de vida do nosso povo. É preciso migrarmos para a bioeconomia”, frisou Alexandre.

Durante seu discurso, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que “enquanto a Zona Franca de Manaus existir a Amazônia é do Brasil”. Ele disse ainda, que o Governo Federal está construindo um novo momento com a indicação do Coronel Menezes no comando da Suframa. “Estou prestigiando a Feira e mostrando que a região amazônica é importante para todo o país e que o Amazonas é um pedaço do território do Brasil”, explicou.

A solenidade contou com a participação do governador Wilson Lima, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Yedo Simões, a presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), Yara Lins, o governador do Acre, Gladson Cameli, o governador de Roraima, Antônio Denarium, deputados federais, estaduais e vereadores.

Útimas notícias