14 de maio de 2019 11h45 - Atualizado em 14/05/2019 11h45

Professores se posicionam após greve ser chamada de político partidária

Categoria marcou para a quarta-feira (15) nova assembleia geral para analisar contraproposta
Fotos Roberto Carlos- sec da Seduc Luiz Castro na Reunião com o Sindicato dos Professores -AM-1 (4)

Em resposta ao pronunciamento do governador Wilson Lima, nesta segunda-feira (13), o AspromSindical emitiu algumas considerações à imprensa. A greve da educação no estado chega ao seu vigésimo novo dia.

O AspromSindical diz enxergar com muita preocupação a decisão do Governo em mandar para a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), um projeto de lei sobre o reajuste salarial dos trabalhadores em educação sem que tenha chegado a um acordo com a categoria.

O sindicato disse que irá realizar uma Assembléia Geral para analisar e deliberar sobre a contraproposta do Governo na quarta-feira (15). E completa que a atitude do governador, para eles, significa um rompimento unilateral das negociações.

O AspromSindical esclarece que, desde sua fundação em 2016, sempre se posicionou contra a prática do atrelamento partidário dos movimentos sociais e, consequentemente, não pratica nenhum tipo de atrelamento partidário em suas lutas.

Os membros da Diretoria do AspromSindical, na sua totalidade, não são filiados à nenhum partido político. No entanto, é direito constitucional de qualquer cidadão ser filiado a partidos políticos, e o AspromSindical respeita a Constituição Federal do Brasil.

E, por fim, estamos juntos com Sinteam na construção da unidade da luta da categoria do magistério, não sendo verdadeiro que haja uma disputa por protagonismo dentro da greve, e , ao contrário, seguimos juntos na mesa de negociação em busca de representarmos fidedignamente os interesses da categoria dos trabalhadores em Educação do Amazonas.

Amanhã, terça-feira, 14/05/19, na frente da Arena Amadeu Teixeira, às 8h, daremos uma entrevista coletiva completa sobre as declarações do Governador.

Útimas notícias