21 de junho de 2019 11h29 - Atualizado em 21/06/2019 11h29

PC prende oito pessoas ao longo de operação realizada em Barreirinha e Parintins

Ao todo, foram apreendidas porções de drogas e dinheiro proveniente do tráfico de drogas nas duas cidades
OPERAÇÃO EM BARREIRINHA 2

O delegado Sinval Barroso, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil do Amazonas, divulgou o balanço de ações policiais deflagradas nos municípios de Barreirinha, e Parintins. A ação resultou nos cumprimentos de 22 mandados de busca e apreensão, e as prisões de oito pessoas em flagrante. Ao todo, foram apreendidas porções de drogas e dinheiro proveniente do tráfico de drogas nas duas cidades.

De acordo com o diretor do DRCO, a primeira fase da ação em Barreirinha (distante 331 quilômetros de Manaus), foi realizada em conjunto com integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), e Delegacia Fluvial (Deflu). “Esta primeira fase teve como objetivo dar suporte à 42ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), no cumprimento de 22 mandados de busca e apreensão em bairros distintos daquela cidade”, explicou Barroso.

Prisões em Barreirinha

Durante os cumprimentos das ordens judiciais foram presos, em flagrante por tráfico de drogas, os irmãos Adeilson Souza Oliveira, 34, conhecido como “Queiroz”; Adelson de Souza Oliveira, 35, chamado de “Ratão”, e Joanderson Souza Oliveira, 40, conhecido como “Grande”, com drogas e quantia em dinheiro proveniente da comercialização de entorpecentes.

Desdobramento em Parintins

As ações iniciaram em combate à exploração sexual de crianças e adolescentes com abordagens na Orla da Francesa, na rua das Marés, entre outros pontos da cidade, onde foi identificada a presença de adolescentes em bares.

De acordo com Barroso, foram feitas abordagens nos currais dos Bois Garantido e Caprichoso. Na ocasião, um homem, identificado como Josimar Fulter Nunes, 32, foi preso com seis trouxinhas de cocaína e 24 trouxinhas de oxi, além de materiais utilizados para embalar trouxinhas, como sacos plásticos, tesoura e linha.

O homem foi conduzido ao prédio da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Parintins, para a realização dos procedimentos cabíveis. O diretor do DRCO enfatizou que as ações irão seguir por 18 dias em Parintins, garantindo a segurança da população que estará presente 54º Festival Folclórico de Parintins.

Útimas notícias