4 de outubro de 2017 16h39 - Atualizado em 4/10/2017 16h39

Mais de 226 mil animais serão vacinados durante Campanha Antirrábica em Manaus

A vacinação ocorre até o dia 22 de novembro em toda a zona urbana da cidade com atendimento gratuito
cao

Mais de 226 mil animais devem ser vacinados durante a 38ª Campanha de Vacinação Antirrábica que acontece em Manaus até o dia 22 de novembro. A meta é imunizar 164.617 cães e 62.223 gatos em toda a zona urbana.

A etapa fecha o ciclo anual da Campanha, que começou no segundo quadrimestre com as etapas Rural e Fluvial. De acordo com o secretário Municipal de Saúde (Semsa), Marcelo Magaldi, é uma meta ousada. No ano passado ultrapassamos a meta de imunizar 164 mil animais. Este ano, temos o desafio de vacinar mais de 226 mil, conforme recomendado pelo Ministério da Saúde”.

Em duplas, os vacinadores irão a todos os bairros, de casa em casa, de segunda à sábado, durante 40 dias. Eles estão preparados para o serviço e terão como identificação um crachá. O papel do dono do animal é segurá-lo.

A vacina é gratuita e tem a validade de um ano. Segundo a diretora do CCZ, médica veterinária Márcia Tereza da Silva Barbosa, caso o proprietário perca a visita dos vacinadores na residência, deve procurar o CCZ, entre 7h e 17h. O proprietário que não conseguir vacinar seu animal, pode leva-lo ao CCZ onde vacina está disponível o ano inteiro. Sem precisar agendamento”.

A adesão da população às Campanhas Anuais tem mantido o município de Manaus livre de transmissão do vírus da raiva em humanos e em cães e gatos já há muitas décadas. A raiva é uma doença grave que ataca o sistema nervoso (cérebro, medula espinhal e nervos) dos mamíferos. É considerada uma zoonose, ou seja, uma doença que pode ser transmitida dos animais para o homem. A taxa de mortalidade da doença, que atinge apenas mamífero, é de quase 100%.

Os principais transmissores são os animais silvestres, como morcegos, gambás e macacos, que contaminam cachorros, gatos e humanos de forma acidental. O contágio ocorre por meio da troca de secreções, contato sanguíneo ou mordida do animal.

Útimas notícias