9 de agosto de 2019 14h35 - Atualizado em 9/08/2019 14h35

Goleiro do Nacional é destaque em confronto na Copa Verde

André Regly porém afirma ser uma felicidade "incompleta" após derrota para o Paysandu
0

Quem compareceu ao estádio Ismael Benigno, a Colina, na noite da última quarta-feira (7), presenciou um duelo entre Leão e Papão. Nacional e Paysandu se enfrentaram pelo jogo de ida, das oitavas de final da Copa Verde. O time paraense levou a melhor e venceu por 1 a 0.

O Paysandu é o atual campeão da Copa Verde e disputa a Série C do Campeonato Brasileiro, enquanto, o Nacional remontou o elenco, com a base do estadual, para disputar a competição nacional. Duas equipes que vivem momentos diferentes, mas, dentro de campo jogaram futebol, com chances clara de gols, no entanto, encontraram pelo caminho, os goleiros, Giovanni (Paysandu) e André Regly (Nacional).

Os arqueiros roubaram a cena do espetáculo, com destaque para o azulino que, em noite iluminada, realizou verdadeiros milagres, segurando o resultado de 1 a 0, possível do Naça reverter no jogo da volta.

A atuação de Regly foi de destaque e ele faz questão de ressaltar que se sente feliz pelo reconhecimento, mas preferia a vitória.

“A gente fica feliz pelo reconhecimento, pelas palavras, mas é uma felicidade incompleta, porque a gente sabe que poderia ter saído com resultado melhor. A gente conseguiu jogar contra uma equipe que está junta desde o início do ano, bem armada, que está brigando de igual para igual para se classificar na Série C e joga muito bem fora de casa. Sabíamos que seria difícil, mas fizemos um bom jogo”, destacou.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 20, em Belém-PA. Jogando em casa, desta vez, será o Paysandu que contará com sua torcida. Com o resultado de 1 a 0, na partida em Manaus, para o Naça, somente a vitória interessa. De acordo com o arqueiro azulino, o combate será difícil, mas não impossível de vencer.

“Sabemos que será difícil, mas temos condições de ir lá e fazer um grande jogo. Temos os dias suficientes para nos prepararmos para isso. A torcida pode ter certeza que iremos nos dedicar e nos esforçar para darmos orgulho a todos. Estamos vivos, respeitamos o Paysandu, mas vamos brigar pela classificação até o final”, garantiu.

De volta aos treinos

Já de olho no Papão, o elenco nacionalino se reapresenta nesta sexta-feira (9), às 15h30, no Centro de Treinamento Barbosa Filho, no Coroado. Aderbal Lana e seus comandados darão início ás atividades físicas, táticas, técnicas e, principalmente, psicológicas para enfrentar o Paysandu, dentro de sua casa.

No sábado (10), a atividade será somente no período da manhã, a partir de 8h30, no CT Barbosa Filho.

Útimas notícias