30 de janeiro de 2017 16h22 - Atualizado em 30/01/2017 16h22

Emendas serão destinadas para o Esporte na Sejel este ano

O auxílio foi concedido pela deputada estadual Alessandra Câmpelo
03_ALESSANDRA_SEJEL (Copy)

Jiu-jítsu, luta olímpica, MMA, futsal, Projeto Vidativa, Academias ao Ar Livre. Estas são algumas modalidades e projetos que serão contemplados em 2017 no Amazonas, com auxílio da deputada estadual Alessandra Campêlo (PMDB). Na manhã desta segunda-feira (30), a parlamentar esteve com o secretário de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel), Fabrício Lima, para viabilizar a execução das emendas impositivas no valor global de R$ 900 mil.

A deputada manteve as raízes com o segmento do esporte e logo no primeiro ano de funcionamento das emendas impositivas, mecanismo novo aprovado no início de novembro via Proposta de Emenda à Constituição (PEC). Com isso, cada deputado ganhou o direito de escolher onde será aplicado cerca de R$ 5,4 milhões em recursos, equivalente a 1,2%  da receita corrente líquida prevista no projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017. 

Democratização dos recursos

Para este ano, Alessandra destinou R$ 500 mil para fortalecimento de eventos e projetos sociais de jiu-jítsu, MMA e luta olímpica. Graças ao apoio da deputada, o futsal terá um reforço para a federação realizar todas as competições do calendário masculino e feminino, da base ao adulto, com qualidade e organização. O Projeto Vidativa, que tem os idosos como público-alvo, receberá R$ 50 mil para aquisição de materiais esportivos. 

O interior também será beneficiado. São R$ 400 mil de emendas de Alessandra para instalação de Academias ao Ar Livre nos municípios de Japurá, Itacoatiara, Beruri, Borba, São Gabriel da Cachoeira, Careiro Castanho, Manacapuru e Atalaia do Norte.

O secretário da Sejel assegurou apoio para execução de todas as emendas, pois as mesmas fortalecem o esporte amazonense. Fabrício Lima também informou a deputada sobre a retomada das obras de reforma e ampliação da Vila Olímpica de Manaus. No mesmo sentido, o titular da Sejel destacou o crescimento do Estado na realização de eventos nacionais de vôlei, basquete, jiu-jítsu e outras modalidades. Fabrício também se mostrou animado com o calendário de jogos previstos para a Arena da Amazônia.

Vamos receber jogos do Campeonato Brasileiro e continuar viabilizando o apoio ao futebol amazonense com a cessão de estádios e estrutura para o profissional e a base. Enquanto o Maracanã está de portas fechadas, estamos trabalhando para manter a Arena em pleno funcionamento. Só na final do Peladão colocamos 27 mil pessoas no estádio”, destacou o secretário.

Útimas notícias