12 de agosto de 2019 11h14 - Atualizado em 12/08/2019 11h14

Aplicativo “Aviso Polícia” recebeu mais de 500 acionamentos em seis meses

Através da plataforma, o cidadão aciona a Polícia em casos suspeitos de roubos ao transporte público da cidade
ABORDAGEM-ÔNIBUS-SSP-2

De janeiro até junho de 2019, o aplicativo “Aviso Polícia” recebeu mais de 500 acionamentos da população dentro dos ônibus do transporte coletivo em Manaus. Desenvolvido pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), o sistema é um alerta que a população pode utilizar para chamar a polícia em situações de emergência nos ônibus.

O aplicativo está disponível na versão Android e já conta com mais de 30 mil downloads. Após apertar o botão de perigo, a tela do celular do cidadão vai ficar escura, simulando que o aparelho celular está desligado. O cidadão não precisa desligar o aparelho, inclusive, porque é o GPS do telefone que ajuda as viaturas policiais a encontrarem o ônibus em perigo.

“Tem situação em que a viatura chega antes de cinco minutos, porque a polícia já está próxima, e tem situação em que demora um pouco mais. Até mesmo para encontrar o ônibus. Às vezes, a pessoa desliga o celular, e o rastreamento não funciona. Mas leva em torno de cinco minutos”, ressalta o chefe do Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação da SSP-AM, major do Corpo de Bombeiros, Marco Gama.

De acordo com Gama, é preciso fazer um cadastro com dados pessoais logo após a instalação do aplicativo. Depois disso, também é aconselhado fazer um teste de acionamento no botão teste, para entender como é realizado o procedimento. O major orienta, ainda, que o usuário do aplicativo deve fazer acionamento quando estiver seguro, num momento em que o assaltante ou suspeito não consiga visualizar a ação.

“Para essa pessoa não correr o risco de ser surpreendido pelo assaltante e sofrer alguma retaliação. Ela vai conversar no chat, se for preciso, senão vai apertar no botão de emergência de tela escura, e o celular dele vai ser rastreado pelo nosso Centro de Operações”.

O aparelho celular é rastreado via GPS pelo Centro Integrado de Comando e Controle do Amazonas (CICC-AM) somente durante a ocorrência, sendo finalizado o rastreamento depois que o procedimento é concluído.

Redução de roubos a ônibus

Pelo sexto mês seguido no ano de 2019, o registro de roubo a ônibus do transporte coletivo na capital amazonense caiu, atualmente registrando 40% de redução, em comparação com o mesmo período do ano de 2018, de acordo com dados do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp).

Entre janeiro e junho, foram registrados 846 roubos a ônibus, enquanto no mesmo período de 2018 foram notificados 1.424 casos. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), o número de roubos nos seis primeiros meses deste ano é menor que o período de janeiro a abril de 2018.

Útimas notícias